Programação de painéis de conversas marca o período de inscrições para o 5º BEFW

Publicado em 01 de julho de 2021

Plataforma de moda, inovação e sustentabilidade, o Brasil Eco Fashion promoveu entre o dia 1º e 30 de junho, evento paralelo ao oficial, o “Brasil Eco Fashion Week – 5 Anos – Inscrições & Retrospetiva”. A programação, que rendeu a transmissão de uma série de oito painéis de conversa, marcou o período de inscrições de marcas que puderam durante os 30 dias manifestar interesse na participação da 5ª edição da semana de moda sustentável do BEFW, programada para acontecer entre os dias 24 e 30 de setembro de 2021.

Com uma agenda dividida em duas datas, 1º e 30 de junho, o BEFW recebeu convidados dos cenários nacional e internacional da moda com foco em práticas sociais e ambientalmente responsáveis.

Para a primeira rodada de painéis de conversas, representantes da startup Vetor Afro-Indígena na Moda (VAMO) e do centro de pesquisa educacional RELab Criativo, trouxeram em suas transmissões os temas da inclusão e diversidade, além de pluralidade e acessibilidade na indústria da Moda. A ocasião serviu também para que fossem lançados os projetos VAMO Acelerar, dedicado à marcas afro-indígenas em busca de atributos mais sustentáveis, e o Projeto RELiga, que tem promovido uma imersão para o desenvolvimento de marcas e treinamentos com foco na pluralidade e acessibilidade. 

Já na segunda rodada de painéis, transmitida no dia 30 de junho, os convidados puderam compartilhar suas experiências ao tratarem de temas como a moda sob demanda, assunto que envolveu em um dos painéis o empreendedor Pedro Ruffier, fundador da Infinitu X, empresa que tem no portfólio a marca Movin. A diretora da marca de moda upcycling C(+)MAS, Agustina Comas. E a ativista de moda sustentável, ética e vegana, Camila Monteiro, fundadora da Camon, marca que trabalha como meta a produção de lixo zero.

E de desenvolvimento agrícola e agroflorestal. Com a participação da estilista Flávia Aranha, a designer e pesquisadora Larissa Duarte, da startup Jurema que planeja agroflorestas com foco têxtil, e a agroecóloga Liege Camila Veras, da fazenda Balaiar que atua no cultivo de alimentos e oferece cursos e consultorias de agrofloresta, um dos painéis nos trouxe detalhes sobre o Projeto Anileiras que tem como propósito o cultivo e beneficiamento do índigo agroflorestal no Brasil. 

Convidada internacional: Mathilda Tham detalhou o “Earth Logic – Plano de Pesquisa-Ação para a Moda”

A pesquisadora sueca Mathilda Tham, professora de design da Linnaeus University Sweden e professora afiliada à Goldsmiths University of London, também esteve entre os convidados da programação. Ela conversou com a jornalista Gabriela Machado, curadora de conteúdo do BEFW, sobre o “Earth Logic – Plano de Pesquisa-Ação para a Moda”, recentemente traduzido para o português. 

Desenvolvido pela acadêmica pesquisadora-ativista em parceria com a pesquisadora, consultora e ativista de design, a britânica Kate Fletcher, o documento inovador Earth Logic traz uma proposta de educação para valores na Moda, que visa conscientizar para o fato de que a sustentabilidade não poderá ser alcançada dentro da atual lógica do crescimento econômico. E faz um convite radical para que todos tenham a chance de entender a moda em conexão com a natureza, pessoas e futuros saudáveis a longo prazo. Adotado por universidades e empresas na Europa e agora está também disponível para download em português, o documento pode ser baixado gratuitamente neste link http://earthlogic.info/). 

Renner: Há três anos apoiando e investindo na moda mais sustentável

Patrocinadora Master do Brasil Eco Fashion Week desde a segunda edição, em 2018, a Renner esteve conosco na programação “Inscrições e Retrospectiva” para dois painéis. O 1º, no início de junho, para o lançamento oficial da collab inédita entre a varejista e a marca de calçados artesanais Insecta Shoes

E no final do mês, no segundo dia de programação de painéis, o BEFW recebeu Eduardo Ferlauto, gerente de Sustentabilidade a Renner, e Ana Cecília Anselmi, gerente sênior de Estilo da varejista, para uma conversa sobre o selo Re, iniciativa da Renner que há três anos promove ações para minimizar os impactos envolvendo diferentes camadas de sua cadeia de produção. Além disso, participou do encontro a convidada Roberta Negrini, fundadora do Movimento Eu Visto o Bem, projeto parceiro da Renner e que por meio da costura contribui para a ressocialização de detentas e ex-detentas do sistema prisional de São Paulo. 

Todos  painéis da programação “Brasil Eco Fashion Week – 5 Anos – Inscrições & Retrospectiva”, transmitidos em julho de 2021,  estão disponíveis na íntegra no canal Brasil Eco Fashion Week do Youtube e podem ser vistos e revistos.  

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.